Crowd with Masks

Perda auditiva na Pandemia: o efeito da máscara

Desde o começo da pandemia, muitas mudanças aconteceram em nossas vidas. Para nos protegermos, passamos a adotar o uso diário de máscara. No entanto, apesar de essencial, esse equipamento de proteção vem atrapalhado a comunicação de várias pessoas, principalmente daquelas que já tinham problemas auditivos.

Segundo um estudo publicado na Hearing review, o uso de máscara simples pode atenuar o volume da fala em altas frequências (2000-7000Hz) em 3-4 decibéis, chegando até 12 decibéis de atenuação para uma máscara cirúrgica. Ou seja, ao usarmos máscara, nossa voz chega mais baixa ao ouvido dos outros. Essa queda no volume associada a um ambiente ruidoso atrapalha muito a compreensão da fala, e pode ser ainda pior para pessoas que já tem uma perda de audição diagnosticada.

Outros fatores também contribuem para prejudicar a comunicação. O distanciamento social, aumentou a distância entre as pessoas e contribui para atenuar ainda mais o som. Além disso, ao usar a máscara perdemos o reforço visual da leitura labial que oferece muitas pistas para compreensão adequada, mesmo para pessoas sem perda auditiva.

 

Algumas dicas importantes para melhorar a comunicação nessa época:

 

  • Não adianta gritar, prefira falar mais devagar e articulando bem todas as palavras

  • Tente reduzir o barulho do ambiente

  • Prefira falar sempre de frente para pessoa, evite conversar andando um ao lado do outro

  • Se a pessoa não entender, tente reformular a frase ao invés de ficar repetindo sempre a mesma coisa

Bibliografia

Goldin A, Weinstein BE, Shiman N. How do medical masks degrade speech perception? Hearing Review. 2020;27(5):8-9.

AUTOR

Dra. Ana Mariana Pinho

OTORRINOLARINGOLOGISTA SUB-ESPECIALISTA EM PATOLOGIAS DO OUVIDO E DISTURBIOS DE LINGUAGEM